Site Meter

quinta-feira, 16 de agosto de 2007

Resultado da imaginação

Pois bem! Antes de qualquer coisa, agradeço a todos quanto deixaram as suas opiniões e foram fazendo as suas escolhas! Acreditem que permitiu ver quem não tem receio (e será que haveria motivos pra ter?) de dizer/escolher o que gosta e pensa. A todos estes: parabéns!
Meio em jeito de brincadeira, as conclusões (pessoais) que penso poder fazer são:- Vocês são uns grande malucos :) ;
- De uma forma geral, a ideia de estar num espaço em que outro casal se provoca, toca e estimula, perante a nossa presença, é interessante e até estimulante;- Muitos de vocês, se fossem "convidados" entrariam na festa;
- Outros haveria que provocariam ainda mais do que estavam a ser provocados;
- Uns talvez tenham conhecimento, outros nem tanto, mas no global, apresentam indicadores que se identificam com o swing (que não passa apenas por sexo);
- Talvez a maior estimulação/excitação provenha do que vemos/ouvimos/imaginamos e os maiores entraves venham do que os outros criticam, dos nossos preconceitos ou mesmo dos das outras pessoas e a exposição perante o que achámos e ou expressámos.......Sejam vocês próprios, sigam as vossas fantasias, julguem pelo que conhecem e descubram o que vos desperta o interesse. Serão todos muito mais felizes. Obrigado a todos! Mesmo a quem não optou, mesmo a quem não comentou e apenas leu (só para terem uma ideia, nunca este blog teve tanta visita nem leituras como nestes posts...curioso :)....)

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Continuem a imaginar a cena e escolham...

De volta ao tema, isto está tal como no post anterior. É só ler para relembrar:)
Neste momento existem duas hipóteses, que passo a referir:
Hipótese 1 - Eles param, levantam-se e dizem: "desculpem mas precisamos ir ali ao nosso quarto e voltámos em 15 minutos".
Hipótese 2 - Eles continuam, tornam-se mais ousados entre eles e claramente estão a tentar ver ou à espera de uma reacção qualquer vossa.Optem por uma, digam os porquês do que fariam ou então comentem as duas, se bem que isso já dê mais trabalho;)
Até já!

quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Continuem a imaginar a cena....

Está mais que visto que nem todos ficariam naquela sala, que os que ficavam poderiam olhar para a tv como forma de ver o que aquilo ia dar, mas penso que é mais ou menos consensual que a situação não estaria a ser indiferente. E não parece que fosse negativa.
A coisa não estava explicita, isto é, claramente aqueles dois estavam envolvidos, eram cúmplices de tesão, no entanto até aquele ponto, eram "apenas" beijos, umas mãos disfarçadas a percorrer ambos os corpos, um sons próprios de quem está a gostar, apesar de um certo esforço para os disfarçar, ou seja, não queriam ser demasiado explícitos. Nesta fase, vocês começavam a desconfiar que a coisa estava quentinha. Porquê? Vejam o cenário: O vosso sofá está mais perto da tv que o deles; o deles está de frente para a tv e o vosso de lado, numa disposição em L; ela está sentada ao lado dele, apesar de estar mais virada para ele e tem as pernas cruzadas; vocês ja viram ou conseguem ver que a mão dele se encontra entre as pernas dela, que até veste uma saia curta e que a mão dela está como a dele, algures entre as pernas dele; nesse momento vocês questionam-se: estarão eles a tocarem-se mais intimamente? É que vocês não têm como ter a certeza.....
As minhas perguntas neste momento são obrigatoriamente: a situação é excitante para vocês? Começam a tentar imaginar qual será o passo seguinte deles? Decidem ir embora neste ponto? Sentem vontade de se entregar também os dois a alguma troca de mimos?Como estamos a imaginar, já agora façam-no como se eles fossem um casal muito agradável à vista para ambos vocês.....